quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Partiu

E ela partiu, pegou as roupas e jogou em uma mochila, olhou em volta e pós dentro tudo que lê fosse necessário, por ultimo pegou a carteira de cigarros, a sua única amiga naquele momento.
Foi em direção do nada, procurando algo que pudesse fazer, pensando se deveria refletir...
O orgulho fala mais alto e é o que ela quer, quebrar a cara e ser feliz, sem ter que seguir regras que não escreveu, sem ter que fazer coisas que não lê proporciona nenhum tipo de prazer.

E foi assim que ela chegou aonde quis, sem nenhum tipo de remorso e sem nenhuma tristeza, afinal ela quis assim e ELA não costuma se arrepender de qualquer coisa que faça. Com a cabeça no lugar sabe que as consequências que vinher é só em pró das suas atitudes.

Nenhum comentário: